A partir desta semana, a Quicko, em parceria com a Rentbrella, passa a oferecer mais uma conveniência. Os usuários dos aplicativos poderão alugar gratuitamente guarda-chuvas em três estações de metrô da Linha 4-Amarela: Mackenzie-Higienópolis, Oscar Freire e Butantã, além da rede de pontos já existentes.

A parceria das startups surgiu como uma ideia para ajudar, ainda mais, as milhões de pessoas que utilizam, todos os dias, o transporte público e intermodal pela Grande São Paulo. O aplicativo da Quicko, que já mostra as estações de bikes compartilhadas, pontos de ônibus, estações de metrô e a disponibilidade de táxis pela região metropolitana, também mostrará a posição das máquinas onde os guarda-chuvas podem ser encontrados e devolvidos.

Mas como isso vai funcionar?

Antes de sair para o seu destino, abra o aplicativo Quicko, disponível para Android iOS , para combinar os diferentes modais e traçar o melhor caminho para seu trajeto. Assim, em caso de chuvas, também é possível localizar pelo app os pontos de retirada e entrega dos guarda-chuvas compartilhados mais próximos, que, nas estações da Linha 4-Amarela, estarão sinalizadas especialmente pela marca da startup. Para retirar ou devolver guarda-chuvas das estações, basta utilizar o aplicativo da Rentbrella, disponível para iOS Android .

A cada utilização, as primeiras 24 horas de uso são oferecidas gratuitamente pela Quicko. No segundo e terceiro dia, o valor cobrado será de R$ 2,00 por dia. Após esse prazo, se não houver devolução, será cobrado o valor de R$ 34 e o usuário poderá guardar o guarda-chuva para si.

“Estamos criando um hub de serviços de conveniência para que os nossos usuários otimizem a jornada deles no transporte e tenham mais qualidade de vida. A parceria com a Rentbrella soma a nossa missão de tornar o celular no melhor assistente pessoal, além de viabilizar novos benefícios para os usuários e estimular a intermodalidade para traçar rotas mais inteligentes”, explica o CEO da Quicko, Maurício Quinze.

“Queremos que as pessoas explorem mais suas cidades, sem se preocupar com as reviravoltas do clima. Como o nosso serviço funciona de forma bastante simples e prática, e, o compartilhamento do guarda-chuva é gratuito por até 24 horas, esperamos que o serviço seja acessível a todos”, diz Nathan Janovich, CEO e cofundador da Rentbrella.

Publicação Original


0 comentário

Deixe uma resposta