A Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (FIEMG) lançou na última semana a segunda rodada de seu programa de aceleração e inovação aberta com startups: o FIEMG Lab 4.0. Nessa nova jornada, 15.000 grandes indústrias madrinhas estabeleceram o programa como uma de suas plataformas oficiais de inovação e irão patrocinar e participar ativamente com a disponibilização de know-how, informações estratégicas, estrutura para testes industriais e recursos financeiros. As
s inscrições acontecem entre 11 de fevereiro e 15 de março e devem ser feitas pelo site.

Na medida em que avançarem pelas fases do
programa, as startups selecionadas também acessarão recursos de bolsas para
empreendedores e de desenvolvimento tecnológico de suas soluções. O valor total
acessível ultrapassa os R$ 105 mil para os que chegarem até a fase final. Além
disso, as indústrias madrinhas aportaram R$ 240 mil em fundo administrado pelo
programa para realização de provas de conceito (POC’s) remuneradas com o
intuito de testar as tecnologias das startups em suas instalações e, posteriormente,
efetivar uma possível contratação.

A jornada de aceleração iniciará com 50 startups e terá duração de 12 meses, divididas em 3 fases: análise, desenvolvimento e implantação. A metodologia será flexível e focará na evolução dos aspectos tecnológicos e de negócios de acordo com o estágio de desenvolvimento das startups. Para ser selecionada, a startup precisa ter um modelo de negócios B2B com solução focada na indústria, seja na área de produção ou na área corporativa.

Ao todo, o FIEMG Lab 4.0 reuniu mais de R$ 2 milhões para investir no desenvolvimento e aplicação das tecnologias das startups em sua rede de indústrias sem exigência de participação de capital (equity free), um modelo de grande atratividade para empreendedores.

Publicação Original


0 comentário

Deixe uma resposta