O novo presidente do Conselho Deliberativo Estadual (CDE) do Sebrae Bahia, Carlos de Souza Andrade, e a diretoria executiva da instituição, formada pelo superintendente Jorge Khoury, pelo diretor técnico Franklin Santos e pelo diretor administrativo-financeiro, José Cabral, tomaram posse na noite desta segunda-feira, 25. A cerimônia, que aconteceu na Casa do Comércio, em Salvador, contou com a presença de autoridades, empresários e representantes de entidades parceiras. Durante o evento, foram também empossados os membros do Conselho Fiscal do Sebrae Bahia: Armindo Gonzales Miranda, Almir Mendes de Carvalho Neto, Carlos Antonio Borges Cohim da Silva, Sérgio Pereira Oliveira.

O compromisso do Sebrae em promover o desenvolvimento e o fortalecimento das micro e pequenas empresas foi ressaltado nos discursos. “Esses empreendimentos foram responsáveis pela criação de mais de 29,5 mil empregos em 2018”, reforçou Carlos de Souza Andrade, que também é presidente da Fecomércio-BA. Ele disse ainda que, à frente do Conselho, vai trabalhar pelos interesses do Sebrae e lutar pelo seu crescimento. “Assumindo essa postura, também estamos atuando em prol dos micro e pequenos negócios”, concluiu.

Já o superintendente do Sebrae Bahia, Jorge Khoury, falou sobre o desafio de ampliar ainda mais as ações da instituição. “Vivemos um novo momento e, para alcançarmos nossos objetivos, precisamos estar juntos, pois, dessa forma, vamos conseguir construir muito mais”. Khoury afirmou também que a instituição está sempre atenta às demandas das micro e pequenas empresas, reiterando a necessidade de um atendimento cada vez mais específico para esses empreendimentos.

Também presente no evento, o diretor de administração e finanças do Sebrae Nacional, Carlos Melles, destacou a relevância da imagem construída pelo Sebrae ao longo dos anos de atuação. “O Sebrae é reconhecido como um instrumento de educação e, dentro desse novo contexto, deverá atuar como um ‘braço’ na extensão das políticas públicas do atual governo para ações relacionadas às micro e pequenas empresas”, pontuou.
O vice-governador da Bahia João Leão, que integra o CDE por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), prestigiou a cerimônia. Na ocasião, ele chamou a atenção para o potencial e a diversidade econômica do estado, destacando regiões como a do Serrado e a Chapada Diamantina. Leão frisou a importância do estímulo para o empreendedorismo – a partir das vocações regionais.

Publicação Original


0 comentário

Deixe uma resposta