A Bossa Nova Investimentos, liderada pelos investidores João Kepler e Pierre Schurmann, inicia suas operações em Portugal, com a abertura de um escritório em Lisboa. O objetivo da empresa, sócia do BMG UpTech, é dar continuidade ao planejamento conjunto de internacionalizar os investimentos e atingir a marca de 1.000 startups nos estágios pre-seed e seed money (R$100 mil a R$800 mil por negócio) até 2020.

Os parceiros preveem investir em, ao menos, 15 startups portuguesas neste ano, além de buscar novos empreendimentos no continente europeu. “A Bossa Nova já é o maior investidor de startups da América Latina. Queremos crescer organicamente, com a abertura de escritórios que nos permitam captar as melhores oportunidades também na Europa. A troca de experiências ainda poderá atrair investidores em potencial para o mercado brasileiro”, argumenta Schurmann.

Para o CEO do BMG UpTech e diretor da Bossa Nova, Rodolfo Santos, a chegada a Portugal é mais um passo importante para a expansão projetada pela sociedade e para o fomento do ecossistema de startups. “Isso fortalece ainda mais nossa perspectiva de atuarmos como umplayer global e de estreitar o relacionamento com outros países estratégicos. Mais que capital, disponibilizamos assessoria e mentorias aos empreendedores”, completa. Atualmente, a Bossa Nova Investimentos tem participação em cerca de 400 startups, que, juntas, estão avaliadas em mais de R$9 bilhões.


Quer conhecer a sede do BMG Uptech em BH e conversar com Rodolfo Santos? Participe do Startupi Innovation Tour – BH, nos dias 27 e 28/06. Clique aqui para saber mais informações.

Publicação Original


0 comentário

Deixe uma resposta