Marcos Hiller — pesquisador, mestre em comunicação e consumo, e professor de escolas de negócios como FGV Management, FIA-USP e PUC-PR — está lançando o seu mais novo livro sobre branding e relevância de marca.

Na obra, Hiller, que apresenta dois programas no Administradores Premium, o Made in Abu Dhabi e o Made in NY, traz seu olhar sobre o universo da marcas, do consumo, da cultura digital, e como tudo isso acaba se entrelaçando a fim de se enxergar o branding.

“Nos últimos 12 meses, me dediquei nessa nova jornada onde reuni as minhas principais ideias sobre marca, posicionamento, pesquisa, consumo e digital. Que esse livro sirva como uma espécie de guia, um manual sobre como se pensa, gerencia e posiciona marca na contemporaneidade”, diz Hiller.

Por meio de perspectivas conceituais consagradas e cases atuais, “Branding: a arte de construir relevância de marca” é uma espécie de guia sobre como devemos construir um posicionamento estratégico de marca verdadeiro e relevante.

“O texto de abertura é do Prof. Marcos Giannotti, um dos maiores especialistas em inovação que conheço, além de mestre e doutorando em comunicação pela Universidade Metodista. E o texto de encerramento é um lindo ensaio do Prof. Alexandre Salvador, mestre e doutor em marketing pela FEA USP e coordenador do MBA Executivo da ESPM. Ambos amigos queridos e cabeças inquietas como a minha”, comenta o autor, que também é responsável por “Branding: a arte de construir marcas”, “ONdivíduos” e “WALK 1″. Seu currículo também reúne diversas especializações, entre elas cursos na Santa Fé University (Novo México/USA) e na Universidad Andres Bello (Santiago/Chile).

O livro “Branding: a arte de construir relevância de marca” pode ser adquirido no site da Amazon.

Originalmente publicado neste site

Ronaldo Faria Lima
Desenvolvedor de software há 23+ anos. Escreveu software para indústrias diversas, como telecomunicações e hospitality, em sistemas que variam de aplicações de missão crítica a sistemas embarcados em plataforma móvel celular.

Publicação Original


0 comentário

Deixe uma resposta