Outras 17 empresas brasileiras também chegaram à etapa de desenvolvimento de produtos ou serviços aplicados ao setor de óleo, gás e energia e receberão recursos da Petrobras.

A empresa capixaba Mogai Tecnologia, selecionada pelo edital Petrobras/Sebrae, assinou o termo de parceria para repasse de recursos financeiros para a execução do projeto. A Mogai está entre as dezoito startups brasileiras selecionadas no II edital do programa Petrobras Conexões para Inovação – Módulo Startups, em parceria com o Sebrae e vai receber recursos para desenvolver produtos ou serviços aplicados ao setor de óleo, gás e energia.

A Mogai atua no setor da inovação e tecnologia desde 1997 e disputou a seleção com mais de 300 empresas inscritas em todo o país. Durante este ano, a empresa receberá R$ 500 mil para aplicar no desenvolvimento de uma solução na área de corrosão, além de assessoria da Petrobras e do Sebrae para que a solução tenha os benefícios comprovados e modelos de negócios que garantam a geração de valor no curto prazo e inserção competitiva no mercado.

Segundo o CEO da Mogai Tecnologia, Franco Machado, a seleção do edital é criteriosa, mas eles contaram com apoio do Sebrae para esse resultado. “Ficamos muito felizes e orgulhosos com essa conquista. Passamos por várias etapas neste edital, que recebeu a inscrição de quase 370 projetos. A seleção é muito qualificada e tivemos um apoio muito importante do Sebrae para conquistar esse resultado”, explica.

Franco Machado também destaca a importância de as empresas trabalharem a cultura da inovação constantemente para, assim, terem resultados positivos em editais como este. “É preciso pensar em inovação no dia a dia. O empresário não pode esperar um edital ser aberto, por exemplo, para pensar no projeto. É importante já estar preparado, trabalhando sua ideiae, assim, quando encontrar um edital que busque algo parecido com seu projeto, você pode submetê-lo e ter mais chances de sucesso”, garante o empresário.

Para os projetos finalizados com sucesso, a Petrobras vai viabilizar a continuidade do seu desenvolvimento, com a implantação e testes em campo de um lote piloto ou serviço pioneiro.

De acordo com o diretor técnico do Sebrae/ES, Luiz Toniato, ter uma empresa capixaba entre as selecionadas é motivo de comemoração, mas o resultado pode ainda ser melhor. “O Sebrae atua fortemente junto ao Fórum de Petróleo e Gás, em parceria com a Findes para produzir avanços junto às empresas que participam da cadeia de petróleo e gás, principalmente no tema inovação.Recebemos com alegria a escolha da Mogai como selecionada no Espírito Santo, entre outas 17 selecionadas nesse edital de inovação Petrobras/Sebrae, que vai continuar lançando editais anuais até 2023. Porém, sabemos que as empresas capixabas podem mais. A expectativa é que muitas outras possam se preparar e submeter seus projetos de inovação nesse programa que, neste ano lançará mais um edital. O Sebrae seguirá incentivando a participação de empresas capixabas, oferecendo todo apoio necessário”, afirma o diretor.

Edital

De maior escala, a seleção teve 363 startups inscritas, cem a mais do que a anterior. Trinta empresas foram selecionadas na primeira fase, em julho, e receberam suporte da Petrobras e do Sebrae para refinamento das propostas e dos modelos de negócios. Entre os dias 22 e 23 de outubro foi realizada a última etapa da seleção. Por meio pitches, apresentações curtas, virtuais devido à pandemia, as startups mostraram seus produtos e serviços inovadores para uma banca de executivos da companhia.

Publicação Original


0 comentário

Deixe uma resposta