O Pravaler, plataforma de soluções financeiras para a educação do País, anunciou um aporte de R$ 180 milhões em FIDCs (Fundo de Investimento em Direitos Creditórios). O valor faz parte da estratégia de crescimento exponencial para os próximos cinco anos, com meta de beneficiar 1 milhão de alunos e financiar R$10 bilhões. Para conquistar este objetivo, o Pravaler se apoiará em três pilares: maior penetração da graduação presencial, novas frentes de produtos e fusões e aquisições. 

Para o crescimento na graduação presencial, a fintech utilizará os aportes em FIDCs para ofertar mais crédito e para a gestão e aquisição de carteiras de financiamento próprio das universidades. Em novos produtos, o Pravaler lança neste ano mais soluções que beneficiam alunos e instituições de ensino, como o crédito para cursos livres.

Em fusões e aquisições, a companhia agora conta com uma equipe interna voltada apenas para M&A, responsável por estudar o mercado e encontrar novas oportunidades de crescimento. Ainda em 2021 a empresa espera fazer sua primeira transação.

Além destes pilares, a fintech tem tornado a tecnologia uma área estratégica do negócio. De 2019 para cá, o time de tecnologia dobrou de tamanho, representando quase um terço da companhia. Atualmente são cerca de 12 Squads, todos focados em produtos e sistemas essenciais para a empresa.

Completando 20 anos em 2021, a fintech já beneficiou mais de 170 mil brasileiros, financiou cerca de R$4 bilhões para a educação e representa 75% dos alunos com financiamento privado no ensino superior no País. 

“O Pravaler em 20 anos de história, tem entre seus principais acionistas o Banco Itaú e o BV como parceiro estratégico. Os próximos cinco anos serão de muito trabalho para alcançarmos a nossa meta. Fizemos uma pesquisa em 2020 que mostrou que mais de 56,3% dos alunos não estariam nas salas de aulas sem a opção do financiamento e 95,2% devem utilizar o recurso até o final da graduação. Temos um mercado gigante onde 30 milhões de pessoas pagam por educação. Estamos estruturados para crescer exponencialmente e transformar mais vidas através da educação”, comenta Carlos Furlan, CEO do Pravaler.

A companhia foi a primeira desse segmento fundada no País e está entre as mais importantes, segundo estudo publicado pela KPMG. Em 2020, a fintech foi listada entre as empresas que crescem mais rápido nas Américas pelo Financial Times. 


Quer acompanhar de perto todos os investimentos no ecossistema de startups? Siga as redes sociais Startupi e acesse nosso ranking de investimentos do mês.

Publicação Original


0 comentário

Deixe uma resposta