* Por Erich Casagrande

Uma boa estratégia de SEO começa com um roteiro bem estruturado. Com ele, é possível desenhar um plano para atingir seus objetivos de negócios, sejam eles alcançar as posições de topo nas SERPs, direcionar melhor seu tráfego orgânico ou melhorar a receita gerada por ele. Para montar a sua estratégia, baseada em um bom roteiro é preciso responder algumas questões fundamentais. A Semrush, plataforma SaaS de gerenciamento de visibilidade online e marketing de conteúdo, fez um estudo completo para levantar os 11 passos que ajudarão nessa busca por melhores estratégias de SEO.

As primeiras questões a serem respondidas são: Onde você está agora? Aonde você precisa chegar? Como chegar lá? Para encontrar essas respostas precisamos levar mais 3 pontos em consideração: prazos, orçamentos e recursos. Cada um deles pode afetar a sua estratégia e precisa ser considerado enquanto monta o seu plano para atingir as metas definidas:

1) Compare seu desempenho de SEO atual
O desenvolvimento de sua estratégia deve iniciar com um benchmarking de seu desempenho atual. Para começar você precisa avaliar o seu desempenho nas seguintes áreas: visibilidade orgânica, posições de palavras-chave e tráfego de marca X tráfego sem marca (Branded traffic x Non-branded traffic).

Compreender a divisão do tráfego de marca e sem marca do seu site é importante para identificar oportunidades, visto que a maioria das pesquisas de marca são feitas por aqueles que já estão familiarizados com o seu negócio. O aumento do tráfego sem marca normalmente significa que você adquiriu usuários novos que ainda não o conheciam.

2) Analise as estratégias de SEO de seus concorrentes
Crie uma lista de seus concorrentes. Você pode fazer isso com base nas pesquisas mais amplas sobre concorrentes que sua empresa fez. Ainda assim, vale a pena complementar essas informações com uma análise deles nas SERPs (são as empresas que têm uma forte sobreposição de palavras-chave com a sua). Lembre-se, você precisa analisar seus concorrentes digitais, aqueles que disputam a atenção do seu usuário na internet.

3) Defina suas metas e KPIs
Você precisa saber onde quer chegar para que seja capaz de colocar em prática um plano de ação para chegar lá, mas também para poder medir seu sucesso e saber quando você atingiu seus objetivos (bem como acompanhar seu progresso em relação a eles e saber quando é hora de mudar o plano).

4) Escolha suas palavras-chave principais e defina as páginas pilar
Depois de definir suas metas e KPIs, é hora de ir direto para a pesquisa de palavras-chave e, principalmente, definir as palavras-chave principais do seu site que você vai segmentar com páginas pilar.

5) Encontre palavras-chave de cauda longa e defina o conteúdo do cluster
Depois de identificar seus topic clusters principais e palavras-chave da página de pilar, você precisa construir sua estratégia de conteúdo de cluster. Esses subtópicos e conteúdos de apoio adicionam profundidade a um tópico e aparecem na sua página de pilar.

Embora não haja um número definido de conteúdos que você deva criar para um determinado topic cluster, é comum contar entre 15 e 25, dependendo do tamanho e da natureza do tópico. Às vezes pode ter bem mais; às vezes, menos.

7) Crie seus Topic Clusters
Você precisa saber o que um usuário espera ver ao fazer uma consulta. Isso ajuda a criar conteúdo que cativa os usuários e gera conversões. Por exemplo, alguém que pesquisa ‘tênis’ não especificou o tipo, a cor ou mesmo o estilo. Você pode esperar chegar a uma página que oferece opções para explorar diferentes tipos de estilos.

8) Acerte no SEO on-page
Há uma linha bem fina entre a criação de conteúdo excelente e SEO on-page. Mas não há como escapar do fato de que você precisa se certificar de que está otimizando esses elementos de acordo com sua estratégia de palavras-chave. Resumindo, o SEO on-page foca na otimização de: title tags, meta descriptions, tags H1/H2/H3, links internos, entre outros.

9) Encontre e corrija problemas técnicos de SEO
Se o seu site tiver problemas técnicos de SEO, isso pode prejudicar o desempenho e impedir o seu site de obter as posições merecidas. É necessário fazer auditorias para obter os dados de performance e entender quais pontos precisam de mais atenção. Use essas informações da auditoria como uma forma de identificar rapidamente as oportunidades de prioridade para adicionar em um roadmap para começar a trabalhar na resolução dos problemas existentes. Você também pode programar suas auditorias (recomendamos fazer auditorias mensais para a maioria dos sites) para estar por dentro de quaisquer novos erros que precisam de sua atenção antes de que se transformem em um problema.

10) Domine SEO off-page
Os backlinks permanecem um dos três principais fatores de ranqueamento do Google , e na realidade vai ser difícil ranquear para consultas de pesquisa de alta competitividade sem uma estratégia sólida de link building. Isso significa que você precisa elaborar um plano para obter backlinks de qualidade se quiser impulsionar o crescimento e atingir seus objetivos.

11) Analise sua estratégia e faça melhorias
Depois de criar sua estratégia e começar a trabalhar na implementação das táticas, você precisa reservar um tempo para analisá-la regularmente e introduzir melhorias. Nenhuma campanha de SEO é “finalizada” e sempre há oportunidades para continuar a impulsionar o crescimento. Seja criando novo conteúdo, otimizando e melhorando o que você já criou, ou garantindo que nenhum problema técnico apareça. Você precisa estar constantemente avaliando e refinando o trabalho que está fazendo para garantir o sucesso.


* Erich Casagrande é  Marketing Manager da Semrush Brasil.

Publicação Original


0 comentário

Deixe uma resposta