O presidente Carlos Melles e o superintendente do Sebrae PE, Francisco Saboya, representam produtores e usuários de ciência e tecnologia

O presidente do Sebrae, Carlos Melles (como titular), e o superintendente do Sebrae – PE, Francisco Saboya (suplente), foram designados como novos membros do Conselho Nacional de Ciência e Tecnologia. A indicação foi feita pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações e confirmada no Diário Oficial da União de terça-feira (3). O Conselho é o órgão de assessoramento superior do Presidente da República para a formulação e a implementação da política nacional de desenvolvimento científico e tecnológico.

Entre as atribuições do Conselho, estão a responsabilidade de propor a política de ciência e tecnologia do país, como fonte e parte integrante da política nacional de desenvolvimento; sugerir planos, metas e prioridades de governo referentes à ciência e tecnologia, com as especificações de instrumentos e de recursos; efetuar avaliações relativas à execução da política nacional de C&T; e opinar sobre propostas ou programas que possam causar impactos à política nacional de desenvolvimento científico e tecnológico, bem como sobre atos normativos de qualquer natureza que objetivem regulamentá-la.

Além do Sebrae, foram indicados ao Conselho representantes de entidades dos setores produtivos, de ensino, pesquisa, ciência e tecnologia. Segundo Carlos Melles, a indicação para compor o colegiado é uma honra e uma responsabilidade. “Os pequenos negócios representam mais de 99% de todas as empresas do país. Levar ciência e tecnologia a esse universo de empreendedores é fundamental para o desenvolvimento brasileiro”, comentou. O mandato do presidente Carlos Melles é de um ano.

Publicação Original


0 comentário

Deixe uma resposta