Sebrae capacitou 350 empreendedores de cidades que serão anfitriãs do segundo maior rally do mundo

Estratégia e planejamento são uns dos principais requisitos para participar de um rally e isso não vale apenas para quem está pilotando ou sendo o navegador de uma equipe. A dica vale também para os donos de pequenos negócios que receberão a edição 2021 do Rally dos Sertões, o segundo maior evento do gênero do mundo.

Itamara Cristina de Oliveira é uma das 350 empreendedoras e empreendedores que foram capacitados pelo Sebrae para receber as equipes do Rally. Dona do restaurante Armazém Itália, na praia de Pipa em Tibau do Sul (RN), a empreendedora acredita que o evento trará um bom movimento para esse local turístico, que desde o início da pandemia sofreu com a redução no número de turistas. “A gente passou por um período em que fazíamos atendimento apenas por delivery e recebíamos pedidos somente da população local. Acredito que o evento ajudará a recuperar o nosso faturamento”, comenta.

Ela destaca que as capacitações do Sebrae ampliaram os horizontes da gestão e do atendimento dos clientes que irão ao estabelecimento e que eles poderão aproveitar melhor esse grande evento para dar uma cara nova à cidade e ao restaurante. “Será uma ótima oportunidade para publicizarmos os nossos produtos e serviços”, comemora Itamara, que assumiu o restaurante há um ano e meio, um pouco antes do início da pandemia, mas que desde então tem procurado inovar e renovar o cardápio.

Assim como a empreendedora potiguar, o alagoano e dono da pousada Receptur, em Piranhas (AL), José Roberto, também está confiante na movimentação que o evento trará para a cidade e para sua empresa. “A expectativa é grande. A gente nunca recebeu um evento desse porte e, por isso, as capacitações estão sendo tão importantes para recebermos esse público”, disse o empresário.

Além das capacitações do Sebrae, José Roberto também mobilizou a família para ajudar na recepção aos novos turistas. “Tenho um salão de beleza também, mas o futuro da nossa cidade é o Turismo. Por isso está sendo tão importante conhecer mais sobre essa atividade e nos capacitarmos sobre o assunto. Já estamos com reservas e vou investir cada vez mais na minha pousada”, revela o empreendedor.

Sebrae e Rally dos Sertões
Em parceria com o Rally dos Sertões, o Sebrae está capacitando 350 pequenos negócios nas cidades por onde a caravana de competidores e equipes de apoio passarão. O Sebrae capacitou os donos de micro e pequenas empresas em protocolos de biossegurança e concedeu o selo “Turismo Confiável” a esses estabelecimentos, para estimular o consumo por parte dos integrantes do Rally.

O Sertões, que tem início no próximo dia 13 de agosto, na praia da Pipa, em Tibau Sul (RN), é considerado o maior rally das Américas. Em 2021, a prova chega à sua 29ª edição, cruzando seis dos nove estados do Nordeste. Segundo os organizadores, o evento mobiliza quase dois mil participantes, entre pilotos, navegadores, mecânicos e equipes de apoio, durante os 10 dias de duração.

A capacitação concedida pelo Sebrae a esses donos de pequenos negócios, distribuídos ao longo do percurso do Rally, é composta por workshops, consultorias e cursos nos seguintes eixos: Protocolos de biossegurança, Formalização de empresas (MEI), Boas práticas nos serviços de alimentação, Sustentabilidade ambiental, Estruturação de experiências turísticas a partir de produtos locais (exemplo vinho, camarão, artesanato, cachaça etc.) e Marketing digital.

Na Trilha dos Sertões
O Sebrae vai apresentar, a partir do dia 14 de agosto, uma série com 10 episódios mostrando como as micro e pequenas empresas aproveitam a passagem do Rally por suas cidades para fazer negócios. A série vai estar no canal do Sebrae no Youtube.

Publicação Original


0 comentário

Deixe uma resposta