O Merqueo, maior supermercado 100% digital da América Latina, recebeu um aporte de US$ 50 milhões em uma rodada Série C de investimentos liderada pela IDC Ventures, Digital Bridge e IDB Invest com o objetivo de expandir seus negócios nos países da América Latina.

A empresa, que começou a operar no Brasil em julho, prevê investir US$ 20 milhões nos primeiros 12 meses para expandir sua rede de dark stores no País e, consequentemente, sua área de atendimento na região metropolitana de São Paulo. Atualmente, tem um centro de distribuição na zona oeste da capital paulista e já cobre mais da metade da cidade de São Paulo e cidades próximas, como Osasco e Barueri. A ideia é aumentar sua área de cobertura na região metropolitana com a abertura de mais sete dark stores de apoio para a distribuição de produtos aos consumidores.

O Merqueo possui e controla toda a cadeia de fornecimento vertical – confiando exclusivamente em tecnologia própria – e, com isso, é capaz de obter melhores margens e oferecer preços competitivos.

“Merqueo desenvolveu todos os atributos e a tecnologia necessária para operar em um mercado complexo como o da América Latina. A aceitação de dinheiro em espécie, a variedade de categorias de entrega e preços acessíveis são variáveis críticas a serem consideradas para escalar startups na região”, afirma Alejandro Rodríguez, sócio gerente na IDC Ventures. “Estamos entusiasmados em apoiá-los na conquista da revolução do supermercado digital na região, que começou há 18 meses com a GoPuff e a Getir, nos EUA e na União Europeia, respectivamente”, completa. 

A empresa planeja usar a injeção de capital para se tornar a maior e mais ambiciosa rede de dark stores da América Latina. Além disso, está expandindo seus times de operações no México e no Brasil, onde ingressou no fim de julho.

Seu modelo de negócio baseado na desintermediação e no uso de tecnologia com desenvolvimento próprio reduz os custos de realização, permite o controle total da experiência do cliente e a democratização dos seus serviços a um número maior de pessoas, que não estão dispostas ou não conseguem arcar com altas taxas de entrega ou aumento de preços nos produtos. Isto permite ao Merqueo acessar uma janela de oportunidades de um mercado de US$ 700 bilhões só na América Latina. Ainda, a empresa obteve fluxo de caixa positivo durante 2020.  

Embora o modelo full-stack tenha sido implantado primeiro por players nos EUA e na União Europeia, a oportunidade de mercado na América Latina é ainda maior. Enquanto na China as vendas on-line de supermercado representam 40% do mercado, na América Latina, a porcentagem é de apenas 1%.

“Merqueo está focado em construir uma plataforma altamente escalável, que pode oferecer um ótimo serviço pelo melhor preço. Uma vez que provamos nosso modelo, procuramos investidores para continuar nossa expansão pela região”, afirma Miguel McAllister, CEO e cofundador do Merqueo. “Nossa tecnologia e modelo operacional nos permitem oferecer um serviço excelente, além de entregas mais rápidas e baratas à medida que aumentamos nossa rede. Um exemplo é o nosso novo serviço de entrega ULTRA, que proporciona pedidos para entrega a partir de 15 minutos”, complementa Miguel.

McAllister, um especialista no setor, também é cofundador do Domicilios.com – uma das mais bem sucedidas empresas de entrega de comida da América Latina, adquirida pela Delivery Hero, em 2017 – da qual obteve o conhecimento e a experiência do setor.

A rodada de investimentos também foi apoiada pela MGM Innova Group, Celtic House Venture Partners, Palm Drive Capital e acionistas prévios.

Foto de destaque: Miguel McAllister, CEO e cofundador do Merqueo.


Quer acompanhar de perto todos os investimentos no ecossistema de startups? Siga as redes sociais Startupi e acesse nosso ranking de investimentos do mês.

Publicação Original


0 comentário

Deixe uma resposta